ENEM Archives - Página 3 de 5 - Studos

SISU está no ar, e agora? 5 passos para você entrar na Universidade

Muitos estavam esperando pelo resultado do SISU. Mas agora que ele saiu, também tem muita gente perdida sobre o que fazer com a nota.
Como o ingresso na universidade não é nenhuma brincadeira, resolvemos explicar o SISU passo-a-passo, para você saber o que fazer e tomar a decisão certa para o seu futuro!
Vamos lá? Primeiramente seguem as datas mais importantes do processo:
SISU

O que é o SISU?

Para você que ainda não sabe, a sigla SISU significa: Sistema de Seleção Unificada. Esse sistema é por onde as Instituições Públicas de Ensino Superior ofertam as vagas, para participantes que prestaram o ENEM no ano anterior e obtiveram nota maior que zero na redação.
Quanto à números, aproximadamente 230 mil vagas são ofertadas pelas instituições semestralmente, sendo ocupadas pelos participantes com as melhores notas respectivamente.

Listas de espera

Para participar do sistema, o candidato deve acessar o Boletim do Candidato, entrar na primeira opção de curso e clicar em “participar da lista de espera”.
A partir dai é só esperar! Esse ano o prazo para inscrição nas listas vai de  02/02 à 07/02 e o resultado e convocação sai à partir de 09 de fevereiro.

Nota de corte

Durante o período de inscrição (29/01 a 07/02) o sistema calcula uma nota de corte, uma vez por dia, para cada curso (sempre com base no número de vagas disponíveis e no total de candidatos inscritos, por modalidade de concorrência). Essa nota é a menor nota para o candidato ficar entre os potencialmente selecionados.

De qualquer forma, é importante saber que a nota de corte é apenas uma referência! Ou seja, serve apenas para monitoramento e não é garantia de seleção para a vaga.
Além disso, o candidato pode consultar a sua classificação parcial no curso escolhido, mas também serve apenas de referência, sendo a lista oficial, divulgada ao fim do período de inscrição.
Você pode consultar a sua colocação pelo site do SISU.

Como funcionam as matriculas?

O resultado com a lista de aprovados pode ser consultada no site do SISU , nos sites das instituições que integram o programa ou ainda na central de atendimento do Ministério da Educação (MEC).
O candidato deve ficar atendo ao processo de matrícula da respectiva instituição. Em suma, a maioria pede alguns documentos como:

  • RG;
  • CPF;
  • Certidão de Casamento ou Nascimento;
  • Reservista (para homens);
  • Certificado de Conclusão do Ensino Médio ou Histórico Escolar.
  • Questionário Socioeconômico e ficha de dados cadastrais que se pode ser encontrada no site do SISU 2018;
  • Certidão de Quitação Eleitoral (que pode ser encontrada no site);
  • Foto 3×4.

Todos os documentos acima precisam ser entregues em cópias legíveis e autenticadas.

O SISU não rolou… e agora quais são minhas opções?

É triste pensar nisso, porém é uma realidade que pode acontecer em alguns casos. Se você não conseguiu a aprovação através do SISU, a primeira coisa a se fazer é não se deixar aborrecer. Depois disso é vida que segue e sonhos a serem alcançados.
Algumas opções alternativas podem seguidas, como: ingresso no ProUni; financiamento através do FIES; seleção para programas de educação profissional e tecnológica pelo SISUTEC; ou ainda tentativas pelas provas vestibulares das próprias instituições.
Além disso, nunca é tarde para se ingressar no ensino superior. Por isso, se a única alternativa for estudar por mais um ano e tentar o ENEM de novo, não há problema algum nisso. Planeje o seu ano, estude e treine muito para a próxima prova.
Para treinar ainda mais você pode usar o app da Studos! No app tem mais de 400 mil questões divididas por assuntos, disciplinas e mais. Cadastre-se e comece já!
Disponível em todas as app stores: IOS Android Windows Phone

5 dicas para você arrebentar durante a prova do ENEM

Tão importante quanto o conteúdo que você estudou durante todos esses meses de preparo para a prova do ENEM, é a estratégia que você vai utilizar para realizar a prova…
De nada adianta saber toda a matéria e na hora não conseguir colocar o que sabe na prova… Por isso, resolvemos dar 5 dicas para você arrebentar durante a prova do ENEM! Vamos lá!
(mais…)

ENEM: Tudo o que você precisa saber e não tinha pra quem perguntar

O tempo tem passado rápido, e quando a gente vê já é o dia do ENEM. Faltam apenas 6 semanas para o primeiro final de semana de provas e você ainda não se sente preparado o suficiente?
Ok, vamos quebrar o seu galho mais uma vez! Pra te ajudar, reunimos tudo que a gente já postou sobre ENEM, de uma forma reduzida, para ter uma visão macro do que precisa ser melhor estudado!
Vamos lá: Pra começar, nada melhor do que entender como a prova é corrigida:

TRI (Teoria de Resposta ao Item)

Todo mundo já tá careca de saber que a TRI é quem manda na nota do ENEM. Mas você já entendeu certinho como é feito o cálculo?
Pra quem não sabe a nota do ENEM em cada questão não representa o número de questões que o estudante acertou na prova. Na verdade, cada questão depende do grau de dificuldade, obtido pela relação das questões que se erra e acerta, portanto, estudantes que acertam o mesmo número de questões podem obter notas diferentes.
Em geral, a nota média dos exames fica ao redor dos 500 pontos. Sendo assim, quando o estudante obtém uma nota acima desse valor, caracteriza maior desempenho em relação à média dos participantes.
Se você ainda não pegou, aqui temos uma matéria mais completa sobre como as notas são dadas e as médias dos últimos anos! Não deixe de ler!

Planejamento

Não deixe tudo para a última hora! Crie uma rotina de estudos, com calendários e tabelas. Várias vezes já ensinamos como começar e se você perdeu, saiba que ainda dá tempo. Comece por aqui!
Além disso, comece entendendo a si mesmo! Entenda de que forma você estuda melhor:

  • Sozinho ou em grupo?
  • Com música ou em completo silêncio?
  • Preciso de que tipo de apoio? Aplicativos, provas antigas, video aulas?

Ainda tem mais dicas de planejamento aqui!
Depois de escolhido o jeito que você vai estudar, agora é hora de treinar, treinar e treinar!
É comprovado cientificamente que a melhor estratégia para melhorar o desempenho é o treino. Então use e abuse, faça e refaça os simulados anteriores do ENEM e treine muito! O App da Studos tem vários simulados ENEM para você treinar! Baixe nas appstores (IOS Android Windows Phone) e estude em qualquer lugar!
Além disso, aqui nesta matéria, falamos de alguns outros pontos essenciais na busca para concluir todo o conteúdo programático ate 05/11.

Prepare-se psicologicamente para o ENEM…

Tirar um tempo para si também faz parte da preparação mental para a prova. Por isso, lembre-se que além de estudar o conteúdo programático, treinar, planejar, e conhecer a prova, outras características também são necessárias, por exemplo:

  • Manter-se atualizado;
  • Refletir sobre as suas necessidades reais;
  • Estabelecer intervalos de estudos.

Neste outro artigo, selecionamos 5 dicas de preparação para o ENEM! Não perca a chance de colocar tudo em dia, livro e mente!
E como se isso tudo não fosse o bastante, ainda tem o:

Tempo!

Nós entendemos que as vezes pode ser difícil dar conta de todo o conteúdo programático até uma data específica, por isso, lembre-se:

  • Monitore o seu tempo de resposta de questões;
  • Refleta como sobre como utilizar melhor o tempo;
  • Saiba quando está perdendo tempo por bobagens;
  • E saiba quando está sendo produtivo!

Para mais dicas de como organizar seu tempo para estudar melhor, clique aqui 🙂
Por último mas não menos importante, vem a temida:

Redação \o/

Primeiramente, aqui separamos um texto onde falamos nos três principais cuidados com a redação:

  1. Cuidado para não zerar a redação;
  2. Tempo;
  3. Estar sempre atualizado.

E é claro que não poderíamos deixar de falar sobre os possíveis temas da redação do ENEM 2017! Fique ligado no que pode cair, como: mobilidade urbana, homofobia, esporte, depressão, família, água, liberdade de expressão e discurso de ódio na internet.
Para entender mais detalhadamente cada assunto, leia sobre os 8 possíveis temas de redação.

Sabemos que para a redação você precisa estar preparado, mas não esqueça que o ENEM não é só redação. Para se preparar para as provas, baixe o app do Studos e estude com mais de 60 mil questões e também através dos simulados ENEM. Acesse já: IOS Android Windows Phone ou acesse pelo desktop aqui .

Um abraço e #BonsStudos
Equipe Studos

ENEM: 8 possíveis temas de redação

O ENEM tá aí e sabemos que muitos estudantes ficam ansiosos, querendo saber quais os possíveis temas da redação. Por isso, colocamos a caxola para pensar listamos 8 possíveis temas para a redação do ENEM 2017!
Vamos lá…

1. Mobilidade Urbana

Esse talvez seja um dos temas mais possíveis de cair no ENEM 2017, por unir tanto sociedade como meio ambiente. Um dos maiores desafios de diversas metrópoles mundiais atualmente é a mobilidade urbana. Os grandes centros vem buscando soluções para ambas, a melhoraria do transporte público e para a sustentabilidade.
Trânsito todo o tempo, cada dia mais carros na rua, poluição, engarrafamento e acidentes fazem parte do dia a dia das grandes cidades. A necessidade de meios de transporte públicos de qualidade é escassa e deve ser repensada urgentemente.

Para o ENEM:
Traga novas ideias, argumentos e soluções que possam melhorar o transporte público não esquecendo de garantir a sustentabilidade do processo, como o uso de bicicleta e a construção de ciclovias. Pesquise casos de sucesso e baseie as suas ideias neles. Ah e não esqueça: cada estudante pode propor muita coisa então seja criativo para solucionar o problema. Vale analisar do ponto de vista do motorista, do ciclista, do pedestre…

2. Homofobia

O casamento entre pessoas do mesmo sexo é permitido no Brasil desde 2013 como estabelece a Resolução 175 aprovada durante a 169ª Sessão Plenária do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Mas, sabemos que a realidade da população LGBT está distante de ser aprovada pela sociedade como um todo, visto que o Brasil ainda é um dos países que mais cometem crimes devido a orientação sexual.  A ausência de leis que protejam a população LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transexuais) é um dos empecilhos para combater a homofobia no país.

Para o ENEM: 
Lembre-se de sempre respeitar o próximo e os direitos humanos durante a escrita da redação. Estude bem o Projeto de Lei 122, responsável por tentar criminalizar a homofobia que foi arquivado ao chegar no Senado, e, além disso, atualize-se sobre o assunto. Nessa última semana tivemos várias notícias que circularam sobre a liminar da “cura gay”. Atente-se a estes aspecto e saiba onde procurar informação!

3. O esporte como meio de transformação e integração social

Brasil: país que sediou os Jogos Pan-americanos de 2007, a Copa do Mundo de 2014 e foi o primeiro país da América do Sul a sediar uma Olimpíada. Dessa forma é bem possível que como tema da redação do ENEM apareça algo relacionado à como o esporte pode transformar a sociedade, trazer inclusão social e qual seria o legado destes eventos para o país.

Para o ENEM:
Entenda bem sobre os projetos e programas sociais que são do governo ou de ONG’s financiadas por esportistas brasileiros. Lembre-se de ter seus próprios pensamentos sobre a importância do esporte para a socialização, desenvolvimento, formação e melhoria da qualidade de vida de muitas crianças e jovens, e não esqueça que alguns dos medalhistas de ouro da última olimpíada vieram de programas sociais.

 

4. Depressão entre os jovens

O ENEM tem um interesse peculiar em abordar tópicos do aspecto social e o aumento da depressão entre os jovens se encaixa nisso. O tema vem ganhando destaque, principalmente depois que o jogo “Baleia Azul” viralizou.
Para o ENEM:
Procure entender os fatores que podem levar à depressão, como o bullying escolar, por exemplo. Saiba também as estatísticas atualizadas sobre depressão, e também suicídio, já que ainda há muito preconceito neste assunto e poucas pessoas realmente compreendem a depressão como uma doença séria. Lembre-se também de procurar mais informações sobre a Campanha Setembro Amarelo, que traz a conscientização sobre a prevenção do suicídio.

5. Os novos conceitos de família

Há alguns anos as formas de representação familiar vem se modificando na sociedade. Novas discussões vem se formando ao redor dos conceitos de família, adoção, união e adoção por casais homossexuais, etc.
Para o ENEM:
Assim como o conceito de Homofobia, lembre-se sempre de respeitar os direitos humanos durante a sua dissertação. Informe-se sobre leis atuais de adoção, casamento gay e sobre como a sociedade vem se adequando à esse novo olhar sob a família. Busque também, ampliar seus conhecimentos sobre o assunto, através de conversas com casos reais dessas diversas formações familiares. Vale também conversar com aquela vovó que criou o neto, casais sem filhos, crianças adotivas, etc.

6. Direito à água

A água é essencial e tem sido colocada muito em pauta devido à sua falta durante este ano. A discussão pode ser em torno da privatização, das crises hídricas do Nordeste, ou a escassez de São Paulo.
Para o ENEM:
Vale lembrar que nestes cenários, é muito bom saber sobre o Brasil, mas é mais valioso ainda poder acrescentar algo do meio internacional, como a Guerra da Água de Cochabamba, na Bolívia. Neste tópico você pode discursar sobre políticas públicas, ou comportamentos da população que poderiam ser usados para reverter problemas como a escassez ou o caso excessivo de água.

7. Liberdade de Expressão

Até onde podemos expor nossas vidas e nossas opiniões nas mídias e redes sociais, sem ferir outras pessoas? Isso engloba a liberdade de expressão e pode ser que venha com tudo no ENEM deste ano.
Para o ENEM:
Fique atento! O tema pode variar desde injúrias raciais, declarações racistas, políticas extremas, homofóbicas, e de apologia a ditaduras, sendo essas expressões feitas em espaços públicos ou online. Por isso, é importante estar embasado nas principais notícias e acontecimentos sobre o tema, no Brasil e no mundo.

8. Discurso de ódio nas redes sociais

Este tópico é uma combinação do 7º e das redes sociais. Sabemos que as pessoas através das redes sociais têm tido cada vez menos tolerância e mais ódio. As discussões têm se tornado acaloradas, e frequentemente ameaças e denúncias têm sido feitas. Por isso, é possível que o ENEM levante essa discussão aos estudantes.
Para o ENEM:
Como o tema faz parte do dia-a-dia da maioria dos jovens estudantes, ele não deve ser de muita dificuldade para se argumentar. Dessa forma, lembre-se de ser criativo e não cair na mesmice. Proponha intervenções e soluções diretas ao problema, seu uso e qual seria o impacto na vida das pessoas.

Sabemos que para a redação você precisa estar preparado, mas não esqueça que o ENEM não é só redação. Para se preparar para as provas, baixe o app do Studos e estude com mais de 60 mil questões e também através dos simulados ENEM. Acesse já: IOS Android Windows Phone ou acesse pelo desktop aqui .

ENEM: Como organizar o seu tempo para estudar tudo?

Faltam menos de 3 meses para o ENEM e ainda falta muita matéria para cobrir né? Nós entendemos que as vezes pode ser difícil dar conta de todo o conteúdo programático até uma data específica.
Por isso hoje vamos falar de como gerir seu tempo para conseguir dar conta de estudar tudo que é necessário.
Antes de realmente entrarmos no assunto gestão de tempo, aqui está o link para download do aplicativo da Studos. Treine com mais de 60 mil provas de uma forma nova e dinâmica, além de poder definir metas com datas! Isso significa cumprir as metas para a data do ENEM ou vestibular desejado!
Agora vamos ao que interessa: Gestão de tempo!
Primeiramente, gerir o seu tempo para estudar melhor significa estabelecer um planejamento, onde o objetivo final é organizar e priorizar os estudos.

Antes de planejar qualquer coisa, você deve se perguntar: Como eu estudo melhor?

  • Sozinho ou em grupo?
  • Com música ou em completo silêncio?
  • Preciso de que tipo de apoio? Aplicativos, provas antigas, video aulas?

Decidido o tipo de abordagem de estudo que melhor combina com você, seguimos com as questões mais práticas de como gerir o seu tempo.
A primeira preocupação que deve vir à sua cabeça, são os prazos! Você sabe que o tempo está curto, então faça o planejamento em cima do prazo que você ainda tem.
Dessa forma, defina os assuntos mais importantes e distribua-os ao longo do calendário, pensando primeiro em macro e depois em micro tarefas.
Exemplo:
*Restam 30 dias
—> São 5 dias para estudar história, com certa de 600 páginas para cobrir.
—> Considerando um horário de estudo de 5 horas por dia, são 6 páginas por hora.
Lembre-se: esses prazos devem ser realistas e nunca mais altos do que o possível de ser realizado. Assim, além de ter a sua produtividade sob controle, você vai perceber que vai dar conta sim de todo o conteúdo programático até a data do vestibular!
Vale refletir: O tempo é um dos fatores principais a se levar em conta na organização do estudo. Por isso, o app do Studos te ajuda a calcular quanto tempo você leva para responder as questões! Baixe aqui, é grátis!
Além dos prazos, duas outras coisas podem ser cruciais quando falamos de gerenciamento de tempo: as listas e os calendários!

  • Listas

Crie uma lista com tudo aquilo que você tem que fazer durante o seu dia. Divida entre o que é urgente (precisa ser feito agora), o que é importante (pode ser feito daqui a pouco), o que é interessante (pode ser feito mais tarde) e o que você pode pedir para alguém fazer.

  • Planejamento

Faça um planejamento diário/semanal! Sempre vá dormir sabendo tudo que você deverá cumprir no outro dia, assim você estará preparado.
Conte com a ajuda de uma tabela de organização. Construa com os dias da semana e organize suas estratégias de estudo.
Por exemplo:

A cada uma hora ou uma hora e meia, procure levantar e se esticar, mas não passe de 10 minutos.
Um bom estudante tem que estar sempre repetindo os mesmos exercícios pra não errar na hora da prova. Ou seja, o aluno é fera porque resolveu muitos exercícios e, por isso, já conhece os caminhos certos para acertá-los se encontrá-los numa prova. Quanto mais treino, mais chance de acerto! Então, no período vespertino, por que não treinar o conhecimento estudado pela manhã pelo Studos App?
Novamente, organize sua tarde, como você fez com o período matutino.

Aproveite seus intervalos para relaxar e, assim como na manhã, não ultrapasse de 30 minutos.
Escolha um momento, no meio da tarde, por volta de 15h30, para se alimentar e repor as energias.
Para entender melhor como manter o foco e fazer pausas produtivas, leia sobre a técnica pomodoro, aqui 🙂
O mais importante da gestão de tempo é saber:

  • Monitorar o seu tempo;
  • Refletir sobre como utilizar o tempo;
  • Saber quando está perdendo tempo;
  • E saber quando está sendo produtivo.

E para te ajudar nesses 4 pontos é que entra o aplicativo da Studos! Nele, além de treinar através dos principais vestibulares do brasil e simulados ENEM, você consegue monitorar o seu tempo, e o seu desempenho, através dos pontos fortes e fracos. Assim você sabe para onde direcionar os seus estudos, como qual disciplina e qual assunto estudar mais.
Defina suas metas e comece já!
enemies
Um abraço e #BonsStudos,
Equipe Studos
 

Como estudar tudo que é necessário até o vestibular ou ENEM?

Logo mais chegam os vestibulares e o ENEM e você ainda não deu conta de estudar todos os conteúdos?

Fique calmo! Agora é a última chance de se replanejar para dar conta de estudar todo o conteúdo programático. E para que você mantenha a sua autoconfiança e determinação, listamos dicas para ajudar você a se preparar. Confira:

1 – Foco

Nós já falamos aqui sobre coisas que fazem você perder sua produtividade. Mas mesmo que você tenha tudo que é necessário para estudar bem, não adianta se você não tiver a capacidade de focar.
Se você tem problemas com desvio de atenção, saiba que, ao exercitar seu foco, em pouco tempo você verá sua evolução. Conhece atécnica do Pomodoro? É uma maneira de desenvolver sua concentração e foco.

2 – Faça o planejamento

Agora que o tempo está curto, faça o planejamento pensando no prazo que você tem. Defina os assuntos mais importantes e distribua-os ao longo do calendário. Primeiro pense macro, para depois pensar micro. Veja o exemplo:
“Restam apenas 30 dias.
São 5 dias para estudar História.
Se são cerca de 600 páginas para estudar,
Considerando um horário de estudo de 5 horas por dia, são 6 páginas por hora.”
É uma meta totalmente viável, dentro desta realidade. Veja qual é a sua e faça este planejamento.
Além de ter sua produtividade sob controle, você vai perceber que, ao encarar sua meta de forma mais específica, você vai dar conta de todo o conteúdo programático! 
É muito importante que você defina metas realistas. Se você colocar metas muito altas, ficará desmotivado em pouco tempo.

3 – Leia notícias diariamente

Separe um tempo de todos os seus dias para leitura de jornais, notícias, revistas e livros.
Essa é uma das dicas mais importantes, porque só assim você vai para além da “decoreba”, exercitando sua capacidade de discernimento. Esteja atento aos acontecimentos recentes e, quando alguma questão abordar atualidades, você vai estará preparado.

4 – Descanse

Estudar de forma intensa, sem nenhum descanso, prática desportiva, boa qualidade de sono ou horário de lazer não vai te ajudar em nada.
Sua mente precisa descansar, para que, ao voltar a estudar, você tenha um bom desempenho. Este já é um assunto comprovado, que mostra que a prática de atividades desportivas aumenta o desempenho médio em torno de 15%.
Outra boa dica é exercitar conteúdos de formas mais leves, como assistindo um filme ou documentário. Aqui temos uma lista de conteúdos que podem ser aprendidos através do Netflix!

5 – Resolva provas antigas

Assim você vai se familiarizar com a prova que você for fazer e, exercitar todo o conteúdo.
No app do Studos, por exemplo, estão disponíveis mais de 3 mil provas dos últimos anos dos principais vestibulares do Brasil. São mais de 25 mil questões divididas por instituição, matéria ou assunto. As provas anteriores do ENEM também estão lá, e você consegue ainda praticar sua velocidade de resposta com o controle de tempo feito no aplicativo!

Conclusão

Não interessa o tempo que se estude. O que interessa é a quantidade de matéria estudada e a qualidade do estudo!!
Lembre-se que o ano de pré-vestibular pode se estender, e portanto, não reclame o tempo em que poderia estar descansando, mas agradeça pelo tempo em que está estudando.
Aliás, já imaginou estudar toda a matéria do vestibular em dois meses e tirar umas “férias” de 10 dias? Em um ano letivo terá estudado pelo menos 3 vezes mais que seus concorrentes, além de ter descansado 3 vezes mais. Para facilitar essa prática, baixe o app do Studos, disponível nas app stores do brasil: IOS Android Windows Phone ou acesse pelo desktop aqui .
Um abraço e #BonsStudos
Equipe Estudos