Como fazer a conclusão da redação ENEM?

Como fazer a conclusão da redação Enem é uma dúvida muito comum entre os nossos studers. Por isso, este post, o último da série produzida em parceria com o nosso bruxo da redação, professor Everaldo Radlinski, abordará técnicas para você fazer a conclusão da melhor redação da sua vida no Enem. Ainda não acessou os primeiros conteúdos? Então o que está esperando? 😱

👉 Como começar uma redação Enem

👉 A intencionalidade da prova de redação Enem

👉 Estrutura textual para o desenvolvimento da redação Enem

Pronto? Agora vamos, juntos, fazer a conclusão de uma redação Enem nota 1000! 😍

Nos artigos anteriores, redigiram-se uma introdução sobre a Redescoberta do Patriotismo no Brasil e dois parágrafos de Desenvolvimento sobre a Epidemia de Suicídios no Brasil.

Agora, com base no esquema mental desenvolvido pelo Método Radlinski, chega o momento em que há de redigir-se a conclusão da redação.

E quais esquemas usar para a conclusão de uma redação nota 1000? Siga as seguintes estruturas:

PF + RT + V + AI + D.

PF + ME + A + MO + D + V + E + D.

Logo, + FLOREIO!

Nesses esquemas, as legendas equivalem às seguintes descrições:

PF Palavras de finitude, conteúdo analítico: [ Infere-se, pois, que…]; [Depreende-se, pois, que…].
RT Retomada de Tema, isto é, presença do comando,
V Verbo expressivo de pedir [Exige; Conclama; Clama; (con) clama];
AI Ação interventiva – sugestões – [Política pública, Lei, ou Comportamento.;
D Descrição;
ME Meio;
A Agente;
MO Modo;
E Efeito.
FLOREIO Enfeite textual.

A conclusão da redação Enem na prática

Após aplicar as estruturas delineadas acima, você desenvolverá uma conclusão como no fragmento a seguir:

Depreende-se [PF], portanto, que a dolorosa epidemia de suicídio [RT] requer [V] a corresponsabilidade de uma cultura de acolhimento [AI], em que a filosofia do ouvir e o fortalecimento dos laços afetivos nutram a prevenção [D]. Portanto [PF], a ampla disseminação de casas de apoio [ME], pelo Ministério da Família, da Mulher e dos Direitos Humanos, conjuntamente à sociedade voluntária [A], com campanhas online, divulgação de cartazes e cadastramentos de cidadãos dispostos a ouvir [MO], que promovam o diálogo intrafamiliar e institucional [D], quebrará o tabu da morte autoprovocada [E]. Logo, a morte prenunciada de tantos “Cancellier’s” encontrará ouvidos atentos à vida [Logo, FLOREIO = neste caso, volta à inspiração.].

Conforme exemplificado, na conclusão, o pensamento argumentativo passa pela retomada do Comando principal (Tema) e pela proposta de intervenção

No caso do parágrafo desenvolvido acima, a proposta de intervenção se desdobrou sobre o conjunto de ações governamentais e individuais, fundamentais para a construção de uma “filosofia do ouvir”.

O problema que evoca essa solução consiste no sentimento de abandono familiar e institucional sofrido pelo suicida.

Assim, a ação interventiva suscita as seguintes perguntas:

[AI] Diante do problema, o que se fez?
[ME] Com o que se fez?
[A] Quem fez?
[MO] Como fez?
[D] Detalhamento
[E] E o resultado

Você aprendeu sobre a produção da conclusão da redação ENEM, mas ainda fica com medo de não saber como começar sua redação? Aprenda a sumir com o “branco” e com o nervosismo que podem te afetar na hora da prova!

Studos o melhor aplicativo para você estudar e fazer a conclusão da redação enem